Cresce número de negros no Congresso, mas participação ainda é pequena

23/02/2011



A representação negra cresceu no novo Congresso, apesar de ainda ser muito modesta. O número de deputados que se autodeclaram negros pulou de 25 (5%), no começo de 2007, para 43 (8,5%) na atual legislatura. De maneira mais tímida, também aumentou a relação de deputados estaduais e distritais que se apresentam como afrodescendentes: passou de 30 para 39.
 No Senado, a bancada continua reduzida a apenas dois senadores: Paulo Paim (PT-RS) e Magno Malta (PR-ES).

Os dados fazem parte de levantamento feito pela União de Negros pela Igualdade (Unegro) em parceria com a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).
“Esse fato revela o grande escândalo nacional da exclusão racial. Não consigo compreender como uma população com mais da metade de negros é tão mal representada no Congresso. Ora, para a nação ser justa, deveríamos ter também 51% de afrobrasileiros no Parlamento”, afirma o diretor nacional da organização não-governamental Educafro, Frei David.
Mais da metade dos 43 deputados que se autodeclaram negros está concentrada em apenas três partidos: 14 no PT, seis no PMDB e outros seis no PRB. Os demais estão distribuídos por nove legendas: PCdoB (4), DEM (3), PDT (3), Psol (2), PR (1), PSC (1), PSB (1), PTB (1) e PSDB (1).


Read More......

Museu afro recebe exposição sobre a feminilidade



Museu Afro Brasil inaugura no próximo dia 26 de fevereiro a exposição Antífona de Gal Oppido. São 27 registros de rostos e corpos de intensa feminilidade produzidos como forma de retomar a discussão sobre o papel da mulher da atualidade. 

Cada uma das fotos apresenta mulheres com personalidades e características diferentes, traduzindo a visão do artista sobre o feminino liberto. “ A mulher que recentemente tem sua sexualidade afirmada igualitariamente perante uma sociedade até então de acento masculino, abrindo um horizonte para a compreensão dos inúmeros vínculos afetivos possíveis entre os humanos”, explica Gal.
 
Para conceituar este novo trabalho, e o sentido de liberdade que ele impõe, o fotógrafo mergulhou na obra do poeta Cruz e Souza, de onde emprestou o título da exposição. “Ele (Cruz e Souza) de vasta erudição dirige sua crítica para esta sociedade serpenteada pelo racismo, preconceito e discriminação, sem abandonar o seu fazer poético, donde escolhi o poema Antífona, para animar as imagens resultantes deste ensaio”, conclui.
 
Fotógrafo ensaísta, Marcos Aurélio Oppido é nome marcante quando o assunto é a fotografia aplicada às áreas de artes cênicas, expressão corporal e arquitetura. Expondo desde 1981, seus trabalhos integram acervos do MASP, MAM e MIS.
Formado em arquitetura pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU/USP), em 1975, Gal inicia sua carreia aliando a fotografia ao desenho, fortalecendo-se anos depois como fotógrafo independente. Conhecido por seu trabalho extremamente autoral, explora o corpo, a efemeridade do tempo, a simbologia de objetos abandonados e a relação do homem com a matéria.
 

Abertura: 26 de fevereiro - Hora: 12h
Duração: 26 de fevereiro a 17 de abril
 
Funcionamento: de terça a domingo, das 10 às 17 horas (permanência até às 18h)
Estacionamento: Portão 3 – Zona Azul
 
Entrada: Grátis
Classificação: Livre
 
Para maiores informações: faleconosco@museuafrobrasil.org.br
Para agendar visitas: agendamento@museuafrobrasil.org.br ou Fone: 55 11 3320-8921

Read More......

Beyoncé causa polêmica mais uma vez ao pintar rosto de preto para ensaio fotográfico



Depois da polêmica campanha com a Loreal, em que a empresa foi acusada de ter usado photoshop para clarear a pele da cantora, Beyoncé fotografou para a edição de aniversário da revista francesa L'Officiel Pariscom o rosto pintado de preto e com looks bem africanos, com turbantes, estampas e acessórios típicos do continente . E mais uma vez está rolando um zum-zum-zum.  

O ensaio fotográfico foi um tributo ao cantor nigeriano Fela Kuti. Seria coincidência que o maridão da Bey é  produtor do musical itinerante sobre a vida de Fela?
A cantora ainda não se pronunciou sobre o assunto, porém a revista francesa defendeu a escolha artística.
"Os modelos escolhidos são um reflexo da influência africana na moda nesta temporada. A inspiração para a maquiagem artística veio dos diversos rituais onde as pessoas pintam os seus rostos. Nós consideramos as fotos belas e inspiradoras", disse a revista.
Entretanto para alguns, as fotos foram consideradas ofensivas. Dentre elas Charing Ball, leitora do Atlanta Post, que escreveu para o site do jornal.

"Como fã do Fela Kuti, um homem que veementemente defendeu a liberdade dos negros e africanos, eu não estou certa que pintar o rosto de preto é algum tributo a ele. Não entendo porque ela concordou em fazer uma sessão de fotos que a associa profundamente com as imagens racistas da história americana", disse a leitora.

Gente, eu não vi nada de mal nas fotos. Concordo que talvez não tenha sido o melhor momento para a Bey pintar o rosto de preto logo após a polêmica com a campanha da L'Oreal, mas as fotos ficaram maravilhosas. O que vocês acham? Inspirador ou enfurecedor?


Read More......

Testado e aprovado: linha natural para cabelos Carol's Daughter

17/02/2011


Depois de um ano usando mega hair, resolvi dar um descanso as minhas madeixas e usá-las ao natural. Nos Estados Unidos, onde a prêta mora, felizmente a ditadura do alisamento está por cair e a mulherada está cada vez mais assumindo os cabelos crespos.

Grandes companhias, como L'oreal e Proctor & Gamble, ainda não desenvolveram bons produtos à base de ingredientes naturais para esta nova demanda, porém várias marcas alternativas surgiram nos últimos cinco anos  para atender a este novo público.

Uma delas é a a marca Carol's Daughter. Criada em 1993 na cozinha de Lisa Price, em Brooklyn, Nova York.  Impulsionada pela vocação e paixão por criar diferentes fragâncias, Lisa começou a fabricar os produtos para presentear amigos. 

Misturando óleos essenciais e hidratantes naturais, ela crious elixires fabulosos como o pudim de mel, a manteiga corporal de manga e produtos com cheirinho de baunilha. Daí em diante, o resto virou mais uma história de sucesso de uma empresa que começou como um hobby e se tornou em um negócio bem lucrativo. 

Mas o sucesso não se deu da noite para o dia. Investidores de peso reconheceram o potencial dos produtos, entre eles, Jada Pinkett-Smith, Will Smith, Mary J. Blige, Jay-Z, Tommy Mottola, entre outros. 


A linha que eu tenha usado se chama Hair Milk. Eu uso o shampoo, que não tem parabeno e súlfato, e o condicionador. Nunca experimentei um shampoo que deixasse o meu cabelo tão macio e livre daquele aspecto ressecado, comum com a maioria dos shampoos. Depois de lavá-los, eu uso o definidor de cachos. Meninas, eu durmo, acordo, balanço a cabeça e os cachos ficam intactos e macios. Cada produto custa em torno de $18 (cerca de R$30 ) 

Infelizmente, a marca ainda não está disponível no Brasil, mas você pode encomendar pelo site http://www.anapaulabeauty.com


Read More......

Wikileaks: EUA criticam racismo no Brasil



A reputação internacional do Brasil como país de tolerância étnica é comprometida pela discriminação contra os negros, segundo um pacote de 25 telegramas da embaixada dos Estados Unidos em Brasília e do consulado em São Paulo redigidos entre 2004 e 2009 e passados  ao jornal O Globo pelo WikiLeaks. 
"Muitos (brasileiros) alegam que o racismo não existe, apesar das evidências esmagadoras do contrário", diz um dos telegramas. Para os diplomatas americanos, os setores público e privado têm como obrigação dar passos sérios para acabar com as dificuldades sociais e econômicas pelas quais os negros passam em função do preconceito. 
Os documentos também estimam que, nos EUA, 50% dos brasileiros seriam considerados negros. Um dos telegramas comenta a declaração da ex-ministra Matilde Ribeiro, da Secretaria Especial de Política da Promoção da Igualdade Racial, que, em 2007, disse que "não é racismo quando um negro se insurge contra um branco". Para um dos diplomatas, o comentário atraiu atenção para o assunto. Os americanos também acompanharam a implantação das cotas raciais nas universidades públicas brasileiras e, após ouvir diversos setores da sociedade, concluíram que a "questão é controversa", noticiou O Globo.

Read More......

Jornalista carioca denuncia racismo sofrido pelas filhas



O que era para ser um dia de celebrações tornou-se em mais uma demonstração de racismo no Rio de Janeiro. O jornalista carioca Felipe Barcellos comemorava o aniversário de uma de suas filhas no Espaço OX, um quiosque na praia do Leme, quando uma das funcionárias impediu a entrada de suas filhas no espaço alegando que seriam crianças de rua, por serem negras e terem cabelos crespos. Leia na íntegra o depoimento do pai, que pretende  entrar com medidas legais contra o estabelecimento e um processo por constrangimento ilegal, injuria, difamação e crime de racismo contra a funcionária.

Do ódio e da ignorância: Um pai destruído por dentro

Bom dia,

Nunca imaginei que tivesse que viver na pele a dor de um cidadão agredido com sua família em um dia de festa.

Contra socos nos defendemos, mas contra o cerceamento do direito de ir e vir de uma criança devido a sua aparência, fica a raiva guardada por ter que conter a violência para não aumentar o dano emocional sofrido por minha filha. 

Eu só queria traze-la para casa, para que ela pudesse sentir-se segura novamente.

Escolhemos o quiosque Espaço OX, no Leme para comemorarmos o aniversário de 5 anos de minha filha mais nova, com amigos e familia, cerca de 20 pessoas. Reservamos e chegamos com as crianças as 19h00. Realizamos a comemoração comas minhas filhas, Lia e Dora, que durante todo o tempo brincaram nas dependências do quiosque as vistas dos funcionários.

Todos os convidados consumiram regiamente e pagaram suas despesas com tranquilidade.
Aos nos prepararmos para ir embora, as 22h30, a funcionária Loi impediu minhas filhas, Lia(9 anos) e a aniversariante Dora (5 anos) de entrarem no quiosque ao retornarem do banheiro.

O motivo: alegou que seriam crianças de rua, por serem negras e terem cabelos crespos. Para encurtar uma longa historia: minha filha mais velha, de apenas 9 anos, está em choque.

As alegações da funcionária não apenas são racistas e incidem em constrangimento ilegal e cerceamento do direito de ir e vir, como denotam a falta de atenção dedicada aos consumidores que frequentam o espaço. Vou entrar com medidas legais contra o estabelecimento e um processo por constrangimento ilegal, injuria, difamação e crime de racismo contra a funcionária.

Não queiram saber a dor de um pai ao vivenciar tais cenas em um dia de festa. A dor não vai embora quando fecho os olhos. Me vem a imagem de minha filha, minutos antes extasiada de alegria e em seguida chocada com uma realidade distorcida.

Estou sentindo muita dor. Uma dor que não vai embora.

A funcionária tinha a obrigação de observar quem estava na mesa mais numerosa do estabelecimento, estávamos minutos antes cantando parabéns e repartindo um bolo.

Impossível não ver a alegria que minhas filhas viviam em meio a amigos e família.

Loi estragou tudo com seu preconceito e despreparo para lidar com o publico. Precisa ser punida de forma exemplar.

Minha filha, uma crianca que é o que existe de mais valioso em minha vida, está DESTRUÍDA, achando-se culpada por não ter a aparência "certa" para poder ir e vir.

Espero que tal comportamento não seja uma norma do Grupo OX e da Orla Rio.

Esta carta está sendo copiada aos principais jornais do Brasil e publicações do segmento de turismo no Brasil e no exterior, em inglês.

Pai






Read More......

UNE promoverá III Encontro de Negros, Negras e Cotistas

14/02/2011


A previsão é de que cerca de 600 pessoas - entre estudantes, militantes e observadores - participem do III Encontro de Negros, Negras e Cotistas da UNE (União Nacional dos Estudantes).O evento, que incluirá, entre as atividades, debates, palestras e apresentações musicais, será realizado em Salvador, nos dias 20, 21 e 22 de maio. Esta terceira edição tem como objetivo levar os participantes a refletirem sobre o tema que dá nome ao encontro. “O Brasil após a expansão das políticas de ações afirmativas”.

 “O III ENUNE 2011 abrirá um espaço para os estudantes pensarem a política de cotas, que hoje já é uma realidade em mais de 70 instituições públicas de ensino superior no Brasil, mesmo que encontre  resistências em setores da sociedade. Nosso objetivo é avaliar os avanços e pensar em perspectivas futuras, o que significa avaliar estes programas (de concessão de cotas para estudantes afrodescendentes) e traçar diretrizes”. A avaliação é de Cledisson Junior, de 27 anos, diretor, desde 2009, da Diretoria de Combate ao Racismo da UNE, organismo criado em 2001, e cuja finalidade, ainda segundo Cledisson, é contribuir para a democratização do acesso à universidade, que deve estar aberta a esta parcela da população do país, que representa 50,6% do total dos brasileiros. “Além de estabelecer uma articulação entre a rede do movimento estudantil e os movimentos negros”, afirma o dirigente, que é aluno do curso de Ciências Sociais da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MG).

Os encontros para discutir as relações entre negros e a educação universitária promovidos por este organismo da UNE são bienais. No primeiro deles, realizado em 2007, os alunos e demais participantes discutiram o papel da União Nacional dos Estudantes no combate ao racismo, assumido como fator presente nas relações sociais e nas instituições do país.  Já o segundo encontro, ocorrido em 2007,” teve como proposta a apresentação de ações de apoio da entidade à política de cotas raciais”, completa Cledisson Junior.

Para os interessados em participar do II IENUNE 2011, a Diretoria de Combate ao Racismo da UNE informa os seguintes endereços:
www.une.org.br
www.unecombateaoracismo.blogspot.com
unecombateracismo@gmail.com

Fonte: Seppir

Read More......

Confira o look dos prêtos poderosos que compareceram ao Grammy



O Oscar da música americana aconteceu ontem (13/2) e causou surpresa ao prestigiar artistas independentes nas principais categorias. A cantora de Jazz Esperanza Spalding desbancou o ídolo teen Justin Bieber e levou o prêmio de revelação do ano, honestamente mais do que merecido. Lady Antebellum  ganhou  com a melhor canção do ano, a baladinha chata "Need you now". Já o principal prêmio da noite, melhor álbum do ano, foi para a banda de punk rock canadense Arcade Fire que deixou Lady Gaga, Katy Perry e Eminem chupando dedo.

Enfim, chega de falar sobre prêmios porque o que levou a prêta aqui à assistir ao show foi checar o look das prêtas de lá. Então vamos dar uma olhada em quem arrasou e fez feio no modelito.

A cantora Monica estava chiquérrima com este look
Nota: A
 Bey, nós te amamos, mas o seu look não estava bacana para a ocasião que pedia um longo ou algo mais inovador.
Nota: C

 Sem comentários. O casal tem estilo.
Nota: A
 Olé! Cá entre nós, este look esta meio toureiro espanhol, não?
Nota: C


 Tony Braxton esqueceu de fazer a bainha da saia, não?
 Amer Roley, do Glee, sempre faz  escolhas adequadas com o seu tipo físico.
Nota: A


 Kelly Hilson está sempre sexy e abusada.
Nota: A
 Preciso dizer algo?
Nota: A

 Gente, a Ciara já está prontinha para o Carnaval carioca. A prêta tem um corpo de causar, mas este look... eca!
Nota: D

 A família real de Hollywood sempre arrasa, não?
Nota: B

 Minha cantora favorita de 2010, Janelle Monaé é estilo puro.
Nota: A

 Wooow Jennifer, depois de perder mais de 20kg com Vigilantes do Peso, gata, você pode tudo.
Nota: A

 Meu bem com um par de pernas como esse, até com a tradicional saia escocesa, Jennifer Lopez ficaria gata.
Nota: A

 Riri, assim você me faz rir.
Nota: F

 Essa é a Nicki Minaj, né, gente, então vamos deixar passar despercebido este look leopardo misturado com a vilã dos 101 dálmatas.

Read More......

Série para a internet busca atores negros

09/02/2011



Está em fase de produção a série “Já É!”, que será feita para a internet. A atração, criada pela produtora Dum Produções, gira em torno de três personagens que estudaram na mesma faculdade e, depois de dez anos, reencontram-se em um restaurante, o que causa uma reviravolta em suas vidas. 


Leopoldo Mello, um deles, é um executivo que vive em Nova York e tem que voltar ao Brasil para assumir a direção das empresas de seu pai. Ao chegar, ele, que é casado e tem um filho, depara-se com um antigo amor, Bianca de Andrade, uma empresária de moda, mãe de um garoto cujo pai tem a identidade mantida em segredo. O terceiro protagonista é o produtor musical Pedro Alvaraz, uma antiga paixão de Bianca.



“Queremos incentivar os jovens a buscar oportunidades, além de aumentar a visibilidade dos artistas negros”, afirma o diretor William Lemos. “Estamos selecionando atores amadores e profissionais. Além dos protagonistas, teremos os personagens dos núcleos de cada um deles”, afirma Lemos. 



Para participar, os candidatos devem ter entre 7 e 50 anos de idade. Só os papéis principais serão, exclusivamente, para atores negros. No mais, serão selecionadas 86 pessoas (46 figurantes).



A websérie terá dez episódios. As gravações devem começar no final de maio. A partir da estreia, um episódio será colocado na web por semana no site www. dumproducao.com.br



A inscrição pode ser feita até 9 de abril. As audições já começam nesta sexta, dia 11, às 15h, na Faculdade Zumbi dos Palmares, em São Paulo.


Read More......

Cee Lo Green lança música com Melanie Fiona



Depos de sacudir o mundo com o single "Fuck You", o cantor Cee Lo Green lançou uma versão alternativa da  balada "Fool for You", com a participação da cantora Melanie Fiona. No Cd Lady Killer,  o cantor divide os vocais com Philip Bailey, da banda Earth, Wind & Fire. 

Cee Lo Green featuring Melanie Fiona - Fool For You (Full Song) by melaniefionaworld

Read More......

Vogue Itália faz mais uma edição black

07/02/2011


 A Vogue italiana está mesmo na vanguarda da tendência de diversidade étnica, que vem proliferando nas princpipais revistas nos últimos dois anos. A revista italiana foi a primeira a lançar uma edição somente com modelos negras, em 2008, e criou  o site Vogue Black.
Para este mês, a revista criou o Black Allure com modelos negras de peso do momento, incluindo a novata brasileira Laís Ribeiro, Chanel Iman, Arlenis Sosa e Joan Smalls. Já a Vogue Americana fez recentemente uma edição com somente modelos asiáticas e já avisou que está produzindo um edição com as prêtas do momento.
Bem, é difícil dizer se esses editoriais  são truques  de marketing ou passos reais para uma moda cada vez mais inclusiva, mas esperamos que mais e mais revistas continuem a abraçar todos os tipos de rostos, corpos e peles.

Read More......

Toni Garrido retorna ao Cidade Negra e se apresenta hoje em Vigário Geral

01/02/2011



Toni Garrido volta a ser o vocalista do Cidade Negra e já se apresenta com a banda hoje  (1/2). O show acontece em Vigário Geral, no Rio de Janeiro. A apresentação começa às 21h e é promovida pelo Grupo Cultural Afroreggae, dentro do projeto Arte Na Praça. A entrada é gratuita.

"O motivo da volta é o mais bacana, mais nobre. Está no repensar, aceitar, perdoar, fazer continuar essa história. Por mais triste que tenha parecido, ela é honesta. Quando estava legal, foi legal. Quando não, a gente se separou”, conta Toni, que aponta ‘poucos pontos de divergência’ para ter saído da banda, sem revelar o verdadeiro motivo. “Eram questões fortes, mas musicalmente a gente sabia que tinha muito caminho pela frente. Durante o telefonema, falamos por meia-hora do passado e decidimos falar só de futuro”, resume.

Sobre a volta do guitarrista Da Gama, que deixou a banda em 2008, Bino (baixista) afirmou que não será possível pois "o que pesou nesse momento é a história de 15 anos que a gente tem com o Toni, e isso não devia terminar. O Da Gama não faz parte do Cidade Negra, que hoje é um trio".


Read More......

MV Bill apresenta Kmila CDD



Demorou, mas chegou. Que Kmila tinha talento todos sabiam. Mas, finalmente, a Prêta está ganhando o seu espaço mais do que merecido. Na semana passada foi divulgado o primeiro vídeo da rapper- MV Bill apresenta Kmila CDD. A prêta não é pequena!

Read More......
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Design provided by Free Web Templates| Modifikasi and Adaptation For Blogger by Jalooe Blog