Pais adotivos preferem meninas não negras

21/04/2010



Os casais americanos que lutam para adotar um filho preferem as meninas que não sejam negras, demonstra um estudo realizado por um grupo de economistas. A equipe do Instituto de Tecnologia da Califórnia, da London School of Economics (LSE) e da Universidade de Nova York estudou dados equivalentes a cinco anos entre 2004 e 2009 obtidos em um site de uma agência de adoções.
Dessa maneira, os economistas conseguiram descobrir que tipo de bebê atrai mais inscrições, e quanto os pais precisam pagar para concretizar uma adoção. Eles constataram que um bebê branco atrai o interesse e a atenção de pais potenciais em maior grau, segundo Leonardo Felli, professor de Economia na LSE.
Mas não houve grandes diferenças no interesse por bebês caucasianos ou latinos, mesmo quando os pais eram caucasianos. O estudo revelou ainda que inesperadamente existe uma forte preferência pelas meninas, com um terço a mais que os meninos.
"No caso dos filhos biológicos, a literatura demonstra que há uma grande preferência pelos meninos sobre as meninas, mas na adoção há uma forte predileção pelas meninas ", disse Leeat Yariv, professor associado de Economia no Caltech.
A preferência por meninas não negras foi constatada em todas as categorias de pais adotivos.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Design provided by Free Web Templates| Modifikasi and Adaptation For Blogger by Jalooe Blog